Nome científico: Aspidosperma desmanthum Benth. ex Müll.Arg.

Nome popular: pequiá-marfim

Família: Apocynaceae

Ocorrência: Norte e Centro-Oeste

Domínio Fitogeográfico: Amazônia

Porte: Cerca de até 30 metros de altura

Descrição: Madeira de coloração amarela-avermelhado na parte mais interna do tronco (cerne) e rosado nas extremidades (alburno). Apresenta fácil trabalhabilidade, recebendo bom acabamento.

Usos: Móveis estândar, assoalhos, tacos, construção civil pesada e leve, como postes, mourões, estacas, dormentes, caibros, vigas, ripas, portas, batentes, venezianas, forros e lambris.

 

Fonte da Imagem Ilustrativa: Livro Árvores Brasileiras de Harri Lorenzi